Documento sem título
QUEM SOMOS
Conheça a ONG
Bicho Legal
 
NOTÍCIAS
Artigos e curiosidades
 
SERVIÇOS
Como podemos ajudar
 
SAÚDE ANIMAL
Alimentação, vacinação, primeiros socorros...
 
MAUS TRATOS
Como agir e quem procurar
 
GUIA PRÁTICO
Acesse e conheça nosso guia
 
     
     
 
Notícia - DIGA NÃO AOS FOGOS SONOROS! DIGA NÃO AOS FOGOS SONOROS!

O Projeto de Lei 12147 de autoria do Vereador Leandro Palmarini que proíbe a utilização, a queima e a soltura de fogos sonoros ganha apoio de 3 vereadores: Paulo Sérgio, Faouaz e Rafael Antonuci.
Fogos de artifício e demais artefatos pirotécnicos de efeito sonoro são amplamente utilizados em nossa sociedade, sobretudo para celebrar eventos esportivos e festividades de fim de ano, em que espectadores se aglomeram e vibram ao acompanhar a soltura de fogos.
São diversos os impactos negativos relacionados a esta prática. As explosões destes artefatos produzem gases extremamente tóxicos e nocivos ao meio ambiente, e podem causar problemas respiratórios. São inúmeros os casos de acidentes, queimaduras e demais lesões que podem levar ao óbito. Pessoas que se encontram sob tratamentos delicados, internadas em hospitais, clínicas a afins, crianças com distúrbios comportamentais sofrem sobremaneira ao ouvirem os estampidos. Como podem exceder os 150 decibéis, danos severos à audição também podem ser ocasionados por conta da utilização de fogos de artifício.
Faunas silvestre e doméstica também sofrem demasiadamente com a poluição sonora dessas manifestações. O barulho causado gera pânico e desorienta os animais, vez que eles possuem uma hipersensibilidade auditiva. A vibração resultante dos sons geralmente atinge um tom muito agudo na natureza, provocando fugas desesperadas, quedas e automutilação. Além disso, em decorrência do pânico causado, muitos animais podem sofrer paradas cardiorrespiratórias, enforcamento em coleiras, convulsões e ter diversos problemas que podem os levar à morte.
Com novas ideias sendo incorporadas o projeto será alterado e, se aprovado, trará benefícios imensuráveis à população de Jundiaí.
 
Documento sem título
Copyright © 2012 - 2014
Todos os direitos reservados