Documento sem título
QUEM SOMOS
Conheça a ONG
Bicho Legal
 
NOTÍCIAS
Artigos e curiosidades
 
SERVIÇOS
Como podemos ajudar
 
SAÚDE ANIMAL
Alimentação, vacinação, primeiros socorros...
 
MAUS TRATOS
Como agir e quem procurar
 
GUIA PRÁTICO
Acesse e conheça nosso guia
 
     
     
 
Notícia - Cães e gatos abandonados ganham um lar em Jundiaí Cães e gatos abandonados ganham um lar em Jundiaí

Após ser encontrada toda machucada debaixo de um viaduto em Várzea Paulista, a cadela Suzi ganhou um novo lar. Ela foi adotada neste domingo (30) durante 46ª edição da Feira de Adoção de Cães e Gatos, realizada no Maxi Shopping Jundiaí pelo Projeto da ONG Bicho Legal. Segundo a ONG, as últimas edições da feira têm como foco a adoção cães entre 1 a 5 anos e gatos a partir de seis meses.

Mas a história de Suzi, que tem dois anos, só teve um final feliz graças a Maria Celina Lopreti, que a encontrou juntamente com outros seis cães no viaduto. "Levei ela para minha casa, castrei, mas não poderia ficar porque já tenho outros dez cães. Como não posso oferecer qualidade de vida para ela, decidi buscar ajuda na feira e fico muito feliz por ter conseguido", conta emocionada.

Agora Suzi vai morar no apartamento de Claudio Aparecido Inácio e Antônio de Souza, que saíram na manhã de domingo com o objetivo de adotar um animal de estimação. "Nós adoramos cães e sabemos a alegria que eles irão nos proporcionar porque são companheiros", conta Claudio, que tem outro cão na casa da mãe.

Ele admite que inicialmente pensou em comprar um cão, mas se surpreendeu com o preço. "Achei um absurdo pedirem R$ 4 mil em um animal e tratar como se fosse um produto. que pode ser parcelado em até dez vezes", desabafou.

Antônio contou que quando chegaram na feira, se encantaram com o olhar de Suzi, que, com o tempo, passará a se chamar Catarina ou Suzi Catarina. "Ela tem um olhar triste porque deve ter sofrido muito. Então sentimos que era ela quem deveríamos adotar porque precisa de muito amor e carinho, tudo o que queremos oferecer", declarou.

PROCURA
Além de Suzi, outros dois cães foram adotados em menos de uma hora de feira. Já Rodrigo Anderson de Souza levou os filhos Rafael, de 2 anos, e Melissa, 8, apenas para olhar. No entanto, pelo entusiasmo dos filhos, não descartou a possibilidade de adotar um novo amigo para a família. "Gostaria de levar um filhote, de porte pequeno, mas tudo vai depender da minha esposa", disse.

Quem também desejava um filhote de gato era Tatiane Silva, que levou a filha Raissa para escolher outro felino para fazer companhia à gata Tininha, de 20 anos. "Como só havia uma gatinha de 6 meses, decidimos continuar nossa busca, mas pela minha filha já levaríamos ela", admitiu.

Os filhotes são os mais procurados, mas segundo o vereador Leandro Palmarini (PV), da ONG Bicho Legal, o foco principal da feira tem sido a adoção de cães e gatos já adultos, "Como a procura por filhotes é grande, eles são adotados rapidamente, mas nosso objetivo é desenvolver ações para conscientizar a importância da adoção de animais adultos também", destaca Palmarini. Em quatro anos de feira, 900 animais foram adotados.

"Os animais são todos castrados, vacinados, vermifugados e já saem da feira com a coleira de identificação."

A próxima feira de adoção promovida pela ONG Bicho Legal será no dia 27 de abril, também no Maxi Shopping Jundiaí.

Ellen Fernandes, do JJ Regional


Fonte: http://portaljj.com.br/interna.asp?Int_IDSecao=1&Int_ID=224667

 
Documento sem título
Copyright © 2012 - 2014
Todos os direitos reservados